ter. out 15th, 2019

Snapdragon 865: novo chip da Qualcomm pode ser apresentado no próximo mês

Os primeiros aparelhos com o Snapdragon 855 mal começaram a sair e a Qualcomm já pode ter planos de apresentar a próxima geração de seus chipsets. O site chinês WCCFtech informou pela rede social Weibo que a empresa pode revelar o Snapdragon 865 já no próximo mês.

Há tempos, especialistas já cravavam que a Qualcomm iria mostrar seu novo SoC ainda este ano, com previsão para dezembro, durante a Snapdragon Summit, que acontecerá no Havaí. Contudo, segundo o site, a companhia teria adiantado a apresentação por conta de sua concorrente, a Huawei. A companhia chinesa já lançou o Kirin 990, com alto poder e capacidade de 5G.

A reportagem também informa que já há um cronograma de lançamento, com expectativa que as primeiras fabricantes com aparelhos trazendo o Snapdragon 865 sejam Samsung, OPPO, Vivo e Xiaomi. Apesar da apresentação já no próximo mês, a expectativa é de que o primeiro dispositivo com o novo chipset seja o novo Galaxy S11 da Samsung, em fevereiro do ano que vem.


Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.

O Snapdragon 865 dever se o primeiro processador com 7nm EUV da Qualcomm. O tamanho se refere aos transistores, sendo que quanto menor este número, mais a quantidade de transistores em um mesmo chipset.O EUV é uma tecnologia de raios ultravioleta que permite que a criação dos transistores seja mais precisa, por isso, também mais potentes.

Com isso, a Qualcomm pode ter um aumento de até 30% em capacidade de processamento e até 50% menos consumo de energia em comparação com o antecessor, o que resultaria em baterias mais duradouras. A empresa já está trabalhando junto com a TSMC, empresa que fabrica os chips, para um SoC de 5nm para 2021.

Samsung

Junto da Qualcomm a sul-coreana também pode já desenvolver seu novo chipset da linha Exynos. O 9830 deve ser apresentado ainda este ano, com uma mudança: a empresa não vai mais usar os núcleos Mogoose para CPU, migrando para o Cortex-A77.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: