Semana de Ciência e Tecnologia termina amanhã

Semana de Ciência e Tecnologia termina amanhã

26 de outubro de 2019 0 Por Clayton Lima

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) segue até amanhã (27) com eventos em todo o país. Ela foi iniciada na segunda-feira (21) e foram inscritas mais de oito mil atividades em 386 cidades por 282 instituições. A meta é aproximar a sociedade, em especial jovens, da produção de conhecimento realizada no país.

Para acessar as atividades, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) criou uma página especial com os eventos distribuídos por localidades (acesse aqui). Informações sobre programação também podem ser encontradas nos sites das secretarias de ciência e tecnologia dos governos estaduais.

Em Brasília, como em edições anteriores, o governo federal montou uma estrutura reunindo instituições e projetos de divulgação científica. O espaço, batizado de Avenida da Ciência, foi aberto no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, na região central da capital.

Neste sábado e no domingo, o local estará aberto das 10h às 20h. No pavilhão, mais de 180 expositores espalhados em mais de 21 mil metros quadrados apresentarão veículos diversos como aeronaves, carros autônomos, máquinas, inovações e projetos de pesquisa.

Tema

Neste ano, a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia tem como tema “Bioeconomia: diversidade e riqueza para o desenvolvimento sustentável”. A cada ano, um assunto é escolhido como forma de orientar as atividades e voltar a atenção para problemas relacionados.

De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, o tema foi escolhido pela importância do fomento a projetos voltados a estimular o desenvolvimento sustentável em diversos campos, como biotecnologia industrial, saúde e agronomia, entre outros.

Mês nacional

O ministério decidiu expandir as atividades da semana, e o governo federal denominou outubro como o Mês Nacional da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, celebração que será realizada daqui para a frente.

A definição será realizada por meio de decreto a ser publicado pela Presidência da República em breve, segundo o ministério.